Diabetes e seus tipos

Dados recentes mostram  há mais de 13 milhões de brasileiros vivendo com diabetes o que é equivalente a 6,9% da população. Aqui você irá aprender mais sobre essa doença, como tratá-la

Diabetes é uma doença crônica que impede que o corpo produza insulina ou não consiga utilizar a insulina produzida corretamente. A insulina é o hormônio responsável por controlar a quantidade de glicose no sangue e para que o corpo consiga absorver e utilizar a glicose, que obtemos por meio da alimentação.

tudo-sobre-diabetes

O que é Diabetes Tipo 1?

O pâncreas é um órgão localizado atrás do estômago que produz alguns hormônios importantes para nosso sistema digestivo. Em condições rotineiras, quando o nível de glicose no sangue sobe, células especiais, chamadas células beta, produzem insulina. Assim, de acordo com as necessidades do organismo no momento, é possível determinar se essa glicose vai ser utilizada como combustível para as atividades do corpo ou será armazenada como reserva, em forma de gordura.

Isso faz com que o nível de glicose (ou taxa de glicemia) no sangue volte ao normal. Em algumas pessoas, o sistema imunológico ataca equivocadamente as células. Geralmente a diabetes tipo 1 é diagnosticada na infância ou adolescência, mas existem casos que são diagnosticado em adultos também.

Quando o nível da glicose do sangue se eleva, o pâncreas através das células betas os  hormônios responsáveis para a utilização dessa glicose, a insulina. Assim o corpo determina se a glicose será armazenada ou utilizada como fonte de energia para as atividades do corpo humano. No quadro de diabetes 1, o sistema imunológico ataca as células betas, responsáveis pela liberação da insulina na corrente sanguínea, por consequência do ataque pouca insulina é liberada e a glicose fica no sangue, incapaz de ser utilizada ou armazenada.

Tratamento

É tratada com aplicações de insulina, medicamentos, planejamento alimentar e também exercícios físicos

O que é Diabetes Tipo 2?

A grande maioria da das pessoas com diabetes têm o tipo 2. Frequentemente é diagnosticada em adultos. O tipo 2 ocorre quando o corpo não produz insulina suficiente  para controlar a taxa de glicose no sangue  ou quando também não consegue usar com efetividade a insulina que produz.

Tratamento

Bastante parecido com o tratamento da diabetes tipo 1, pode ser tratado com um planejamento alimentar adequado e atividades físicas. Em casos mais graves da doença é necessária a utilização de medicamentos e aplicação de insulina

Para maior entendimento do assunto assista os videos abaixo